Com recorde de vendas, HM cresce 28,01% em 2020

Com recorde de vendas, HM cresce 28,01% em 2020

A HM Engenharia, construtora do Grupo MOVER com atuação nos segmentos baixa renda e econômico, manteve em 2020 o alto volume no número de lançamentos, chegando a R$ 792 milhões, valor similar ao de 2019. A empresa encerrou o ano com recorde no número de unidades vendidas, com 2.664 moradias e valor líquido de vendas de R$ 514 milhões, representando um aumento de 28,01% e 61,12% respectivamente, demostrando uma mudança no Ticket Médio das unidades vendidas de R$ 153 mil em 2019, para R$ 205mil em 2020. No último ano, a empresa também registrou alta de 30% na Receita, alcançando R$ 382 milhões. Foi um ano de resultado positivo em relação a 2019, Lucro Líquido de R$ 9MM. Para o Diretor Executivo Mauro Bastazin, os expressivos resultados evidenciam a solidez da empresa que, apesar do cenário de incerteza na economia brasileira, motivado pelas restrições impostas pela pandemia de Covid-19, obteve seu melhor resultado de vendas dos últimos cinco anos, dando continuidade à sua estratégia de crescimento.

Em 2020, a HM consolidou sua presença no estado de São Paulo com o lançamento de empreendimentos nos municípios de São Carlos, Guarujá, Hortolândia, Campinas – município sede da empresa – e Praia Grande. Em Extrema, Minas Gerais, a incorporadora fortaleceu sua marca com a abertura para vendas do segundo empreendimento, com 350 unidades. No total, em 2020 foram lançadas e disponibilizadas para vendas 4.507 unidades habitacionais.

Entre as principais iniciativas que possibilitaram o crescimento da HM no segmento de incorporação imobiliária está o investimento contínuo em inovação e tecnologia nos métodos construtivos. A HM consolidou o uso da técnica de paredes de concreto moldadas in loco, que garantem melhor produtividade e eficiência no processo construtivo. Fortaleceu também a parceria com a empresa de engenharia TecVerde para o uso da tecnologia construtiva wood frame, produzidos em ambiente fabril. Mais sustentáveis, os materiais garantem redução na geração de resíduos, melhor isolamento acústico e térmico e custos similares aos de empreendimentos que utilizam outras técnicas. Com obras já em andamento, a cidade de Paulínia será a primeira do estado de São Paulo a receber em grande escala casas produzidas com tecnologia off site, totalizando 152 unidades.

O primeiro empreendimento, o Brisa da Mata Park, já teve grande aceitação do mercado, resultando em 100% de suas 48 unidades vendidas. Outros 104 sobrados, do Brisa da Mata Vilage, estão em fase inicial de vendas. Dessa forma, a HM mantém em seus projetos a opção de três métodos construtivos, que inclui ainda as paredes de alvenaria convencional, atendendo aos diferentes perfis e necessidades dos clientes.

Merece destaque ainda a ampliação do uso de Inteligência Artificial no processo de venda online que permite que todo o processo de compra seja feito de forma digital. Após o primeiro contato via canais de relacionamento, a tecnologia identifica o interesse de compra e o perfil dos clientes e, após validação dos dados, as solicitações são enviadas automaticamente para equipe de vendas que realizam o atendimento. Da disponibilização de informações e negociação de valores até o envio da documentação e assinatura do contrato, tudo é feito de forma digital, garantindo agilidade e segurança aos clientes, que também podem acompanhar todas as etapas do processo de construção de forma remota e online.

Os cuidados com a saúde dos colaboradores e outros públicos também foram prioridade da HM em 2020. A empresa estabeleceu um protocolo para as atividades durante a pandemia para todas as áreas de atuação – da equipe de vendas, colaboradores em funções administrativas até as atividades nos canteiros de obra. As ações incluem aumento da equipe médica, afastamento e acompanhamento por profissionais da saúde de todos os colaboradores, incluindo prestadores de serviço, com sintoma, suspeita ou confirmação da doença, atualização diária das estatísticas, promoção contínua de palestras e webinar sobre cuidados para a prevenção da Covid-19 e o estabelecimento de trabalho remoto (home office) para todas as funções administrativas. Nas obras, os canteiros foram adaptados e a forma de trabalho reorganizada para garantir o distanciamento físico entre os profissionais. Com isso, ao longo de todo o ano a HM não registrou casos de morte pela doença e não houve paralisação de projetos. A HM fez adaptações nos estandes de vendas, com agendamento de horário e criou o drive-thru para entrega de chaves das unidades, onde os clientes não precisam sair dos carros para receber a documentação, as chaves dos imóveis e as orientações da equipe de relacionamento com o cliente.

Comments are closed