Grupo Cosentino fatura €1.078 bilhões em 2020 e aposta na inovação para consolidar posição de liderança

Grupo Cosentino fatura €1.078 bilhões em 2020 e aposta na inovação para consolidar posição de liderança

O Grupo Cosentino, líder mundial na produção e distribuição de superfícies inovadoras para arquitetura e design, consolidou o seu modelo de negócio em 2020 graças ao compromisso com a inovação sustentável, o capital humano, a presença internacional e a transformação digital de toda a organização. Graças a estes pilares, a multinacional alcançou em 2020 um faturamento de 1.078 bilhões de euros (1.110 bilhões de euros em 2019).

No Brasil, a empresa registrou um faturamento 23% maior em relação à 2019. Esse crescimento está diretamente relacionado ao aumento de cerca de 40% nas exportações de granito e quartzito, em especial para o mercado americano. Para 2021, as previsões também são otimistas. A empresa prevê um crescimento de 20% para esse ano.

Apesar da crise global provocada pela COVID-19, a Cosentino investiu cerca de €120 milhões na inovação e desenvolvimento de produtos, bem como na gestão ambiental e industrial, com foco na sustentabilidade. Entre os investimentos, destacam-se os novos sistemas de extração e limpeza, sistemas de regeneração de calor, novos métodos de armazenamento e transporte de materiais brutos e a expansão de sistemas de tratamento de água com foco na reciclagem. Do ponto de vista industrial, a Cosentino investiu no desenvolvimento da tecnologia HybriQ+, onde a presença de sílica cristalina na superfície Silestone® foi consideravelmente reduzida e foram acrescidos 20% de materiais reciclados em sua composição.

Como resultado do investimento, a capacidade de produção da superfície Silestone® cresceu 30%. A produção e eficácia ambiental de Dekton® também foi melhorada, resultando na sua classificação como Produto Neutro em Carbono no ano passado.

EXPANSÃO INTERNACIONAL

O grupo continua a sua expansão internacional através do investimento nos seus próprios ativos, como é o caso da abertura de novos “Centers” em Ottawa e Winnipeg no Canadá e no Rio de Janeiro, além da expansão da sua rede logística, com o novo Hub na Costa Oeste dos Estados Unidos. Algumas instalações, como é o caso dos “Cosentino Centers” de Estrasburgo, Lázio e Berlim ou o “City” de Sidney, foram relocalizados. Esta transformação é parte do compromisso da empresa para com um novo tipo de showroom ou “City” mais digital e concebido para profissionais, numa rede cada vez mais ampla com as novas aberturas de Barcelona, Tel Aviv e Amsterdã.

Com estas novas aberturas, a multinacional encerrou 2020 com um total de 142 unidades comerciais, distribuídas por cinco continentes. A Cosentino conta atualmente com 118 “Centers”, 15 “Citys”, 4 Hubs de distribuição (3 nos EUA e 1 na Austrália) e 5 operadores logísticos. Além destes espaços, a empresa conta ainda com 12 unidades de produção nos Estados Unidos.

Comments are closed