Imovelweb: perfil de buscas por imóveis dos paulistas muda um ano após início da pandemia, diz Imovelweb

Imovelweb: perfil de buscas por imóveis dos paulistas muda um ano após início da pandemia, diz Imovelweb

O Imovelweb, um dos maiores portais imobiliários do País, fez um levantamento para comparar as buscas por imóveis no estado de São Paulo em fevereiro de 2020, quando ainda não havia os efeitos da pandemia, e fevereiro de 2021. O resultado aponta um aumento significativo nas buscas por imóveis de 3 ou mais dormitórios, bem como um crescimento expressivo também na busca por residências sem dormitórios e no litoral paulista.

Na Região Metropolitana de São Paulo, os dados do Imovelweb mostram que a busca por imóveis com três dormitórios cresceu 32% e por quatro ou mais dormitórios subiu 36%. Também houve um aumento de 42% na procura por imóveis sem quartos, ou seja, kitnets e studios. Por outro lado, houve uma queda de 30% na procura por imóveis de 1 dormitório e de 4% na busca por dois dormitórios.

Leonardo Paz, CEO do Imovelweb, explica que um dos efeitos observados ao longo da pandemia foi a procura por espaços maiores. “Locais para escritórios, varandas e quintais foram muito requisitados pelos paulistas em especial, que procuraram por mais espaços durante a pandemia. Por outro lado, a queda na renda de muitas pessoas explica o aumento na busca por kitnets e studios”, destaca Leonardo.

Os dados do Imovelweb também mostram que, em fevereiro de 2020, 61% das buscas eram por imóveis para locação e 39% para venda. Em 2021, houve uma mudança: agora 47% das buscas são por aluguel e 53% para venda.

Buscas no litoral paulista crescem 43%


As buscas por imóveis no litoral cresceram 43% em fevereiro de 2021 quando se compara com o mesmo período do ano passado. Foram avaliadas as cidades de Praia Grande, Santos, São Vicente, Ubatuba, Caraguatatuba e Guarujá.

Além disso, houve um aumento de 67% nas buscas por imóveis de quatro ou mais dormitórios e de 52% na procura por imóveis de três dormitórios. Outro dado que chama a atenção é o crescimento de pessoas interessadas em comprar um imóvel, que chegou a 81% na região.

Leonardo Paz aponta que o prolongamento da quarentena tem feito com que muitas pessoas busquem por imóveis mais confortáveis no litoral. “Hoje o trabalho e a escola podem ser feitos a distância. Por isso, não é mais necessário morar em um local estratégico dentro de uma grande cidade como São Paulo. É possível ter mais qualidade de vida em uma cidade litorânea ou do interior”, explica o CEO.

Buscas por imóveis maiores também crescem no interior
As informações do Imovelweb mostram que houve um crescimento de 42% nas buscas por imóveis de quatro ou mais dormitórios em cidades do interior paulista, bem como um crescimento de 12% nas buscas por imóveis de três dormitórios.

Em fevereiro de 2020, 53% das pessoas procuravam por apartamentos, enquanto 47% queriam casas. Em 2021 isso mudou: 51% buscam por casas e 49% por apartamentos. As cidades avaliadas foram Bragança Paulista, Itu, Campinas, Sorocaba, Jundiaí e São José dos Campos.

Comments are closed