MRV entra para o ranking das dez empresas mais inovadoras do Brasil

MRV entra para o ranking das dez empresas mais inovadoras do Brasil

Com um investimento de mais de R$ 250 milhões em transformações digitais nos processos construtivos e soluções para consumidor nos últimos cinco anos, a MRV entrou para o ranking das dez empresas mais inovadoras do Brasil, segundo a revista Forbes. Empresa foi a primeira do setor de construção civil a colocar em funcionamento uma plataforma de vendas no qual o consumidor pode realizar todo o processo de compra de um apartamento por meio digital, e tem se firmado como referência em inovação no segmento.

Segundo Flavio Vidal, gestor executivo de inovação da MRV, a companhia está atenta às mudanças por quais passam a sociedade e entende a importância em se preparar para o futuro. “Estar no ranking da Forbes entre as empresas mais inovadoras é um grande reconhecimento do nosso trabalho. Estamos há mais de 10 anos nos transformando para contribuir ainda mais para transformar da vida dos brasileiros. O ecossistema de inovação é propagado para todos os setores da empresa. Inclusive, para impulsionar ainda mais esta cultura, inauguramos no final de 2019 um LAB dentro da sede da empresa. O objetivo do espaço é a criação e aceleração de projetos, tecnologias e novos negócios que visem proporcionar experiências diferenciadas para os clientes. A MRV também é uma das idealizadoras do hub Orbi Conecta, espaço de fomento ao empreendedorismo e à inovação”, conta o executivo.

O processo de transformação digital da MRV vem consolidando a companhia na chamada indústria 4.0. Além de aplicativos, BIM, softwares de última geração, realidade virtual e aumentada fazerem parte do leque disponível e aplicado pelos engenheiros nas obras, a empresa vem se posicionando no mercado como uma plataforma de soluções habitacionais.

“As novas gerações têm uma visão diferente do morar, por isso, nos tornamos uma plataforma de soluções habitacionais capaz de fornecer a opção de moradia que melhor se adapte ao momento da vida dos brasileiros, seja  com a aquisição de apartamentos prontos ou na planta, pela  compra de um terreno em loteamentos completamente urbanizados pela Urba, ou mesmo alugando imóveis especialmente pensados, com inúmeros serviços disponíveis, pela startup Luggo, de forma totalmente digital e sem burocracia”, explica Vidal.

Mais de 30 squads (equipes multidisciplinares) foram criados para trabalhar nas soluções, que incluem também: marketplace para decorar e mobiliar o apartamento, decorado em realidade virtual, placas fotovoltaicas para a geração de energia limpa, bicicletas compartilhadas, utilização de drones nas obras, Bot no atendimento ao cliente, contrato de compra do imóvel com uma linguagem mais simples, entre outros.

Comments are closed