Multipropriedade aposta em sofisticação para ganhar mais espaço no aquecido mercado de imóveis

Multipropriedade aposta em sofisticação para ganhar mais espaço no aquecido mercado de imóveis

O mercado de multipropriedade imobiliária prepara-se para uma expansão em 2021. A modalidade já registra 120 empreendimentos no país e movimenta mais de R$ 24 bilhões de Valor Global de Vendas (VGV) nacionais de imóveis de posse compartilhada. Entre os anos de 2019 e 2020, o total era de 109 unidades e pouco mais de R$ 22 bilhões.

Considerada um divisor de águas para o setor, a lei 13.777/18, que respalda e regulamenta esse mercado, completou dois anos em dezembro. De acordo com o consultor e especialista no mercado de multipropriedade, Caio Calfat, esse modelo de negócio vem se mostrando resistente e muito promissor. “Sobreviveu à crise imobiliária em 2017 e agora na pandemia. Desde quando foi iniciado, em 2014, esse mercado cresce em média 26% ao ano”, destaca.

Hoje, de acordo com o especialista, surgem novos destinos baseados em multipropriedade com foco em produtos de alto padrão direcionados à classe A/B. “Atingindo 60 cidades em 18 estados brasileiros, projetos de hotéis e resorts sofisticados agora alcançam pessoas com poder aquisitivo mais elevado”, explica.

Algumas regiões do país apostaram nesses diferenciais de produtos de luxo e ganharam notoriedade no segmento. “A multipropriedade tem como característica proporcionar o lazer. Além de oferecer semanas para o proprietário desfrutar, possibilita o intercâmbio de estadias. Essas são as grandes motivações da venda de apartamentos compartilhados.”, ressalta Calfat.

Castelos e hotéis boutique serão inaugurados em 2021

Uma das empresas do mercado imobiliário que aposta na multipropriedade com sofisticação é a Planalto.

Um dos empreendimentos da marca com esse modelo será inaugurado em abril. O Castelos do Vale Resorts, no coração da região de vinhedos em Bento Gonçalves, dentro da vinícola Dom Cândido, remete com sua construção às edificações do vale do Loire, na França. A experiência com a degustação e produção vinícola local será um dos destaques do hotel, e a intenção é oferecer um destino de vinho dentro do Brasil.

Em junho, a Planalto inaugura em Goiás outro empreendimento ancorado na multipropriedade que prima pela exclusividade. O Terra Santa Éden Resorts, em Trindade, a 25 quilômetros de Goiânia, terá 63 apartamentos e bangalôs, todos com piscina privativa, seguindo um padrão de luxo inédito para a região, com spa e gastronomia.

No total, entre projetos dedicados a diferentes públicos, a Planalto pretende inaugurar 15 mil unidades hoteleiras com o modelo de multipropriedade até o final de 2025.

Comments are closed