Pinheiros tem o m² mais caro de São Paulo, segundo Imovelweb

Pinheiros tem o m² mais caro de São Paulo, segundo Imovelweb

O Imovelweb, um dos maiores portais imobiliários do País, divulga o seu relatório mensal sobre os preços dos imóveis em São Paulo, que agora conta com uma nova metodologia, mais robusta e com mais dados.

No relatório de março do Imovelweb, o preço médio do m² na capital paulista foi de R$ 9.278, valor 0,4% maior que o registrado em fevereiro e 4% maior do que o mesmo mês de 2020. Dessa forma, um apartamento padrão na cidade (2 quartos, 65 m² e vaga na garagem) custa, em média, R$ 568.952.


O relatório de março também mostrou que o bairro mais caro para se morar na cidade é Pinheiros, localizado na Zona Oeste, enquanto o mais barato é Cidade Tiradentes, como é possível ver na tabela abaixo:


Mais Baratos (R$/m²)
Variação MensalVariação Anual
Cidade Tiradentes (Leste)2.6462,12%3,59%
Lajeado (Leste)3.8250,33%3,19%
José Bonifácio (Leste)3.9040,82%4,06%
Mais Caros (R$/M²)Variação MensalVariação Anual
Moema (Centro-Sul)13.2220,57%3,49%
Itaim Bibi (Oeste)13.7830,63%6,37%
Pinheiros (Oeste)14.1890,35%7,74%

Nos últimos 12 meses, os bairros que mais registraram desvalorização nos preços dos imóveis foram Parelheiros (R$ 6.895/m², -12,5%), Pari (R$ 6.626/m², -9,2%) e São Rafael (R$ 5.712/m², -4,5%). Já os bairros que mais se valorizaram foram Perus (R$ 5.513/m², 10,7%), São Mateus (R$ 5.126/m², 11,2%) e Capão Redondo (R$ 4.734/m², +11,9%).


Aluguel mantém estabilidade


De acordo com o relatório do Imovelweb, o preço médio do aluguel de um apartamento padrão (2 quartos, 65 m² e vaga na garagem) na capital paulista é R$ 3.494/mês. Em relação a fevereiro, o valor se manteve estável.
Em 12 meses, houve um aumento de 3,8% no preço de locação em São Paulo. No mesmo período, os bairros que mais tiveram queda no valor do aluguel foram Perus (R$ 2.132/mês, -12,8%), São Rafael (R$ 1.443/mês, -7,8%) e Cidade Dutra (R$ 1.648, -7,7%). Já as maiores valorizações ocorreram em São Lucas (R$ 1.790/mês, +15,8%), Vila Andrade (R$ 2.402/mês, +16,1%) e Belém (R$ 2.006/mês, +16,8%).


Confira os bairros onde o aluguel é mais barato e mais caro em São Paulo:


Mais barato (R$/mês)
Variação MensalVariação Anual
Cidade Tiradentes (Leste)1.0733,07%8,52%
Lajeado (Leste)1.3431,30%S/D
Sapopemba (Sudeste)1.3582,17%-3,51%
Mais caro (R$/mês)Variação MensalVariação Anual
Jardim Paulista (Oeste)4.231-0,23%5,43%
Pinheiros (Oeste)4.346-0,02%-6,79%
Itaim Bibi (Oeste)4.910-0,20%0,67%

Região Oeste é a mais cara da capital paulista


O relatório do Imovelweb também traz informações referentes as regiões de São Paulo. A Oeste se destaca por ter os preços médios de venda e aluguel mais caros, enquanto a Leste concentra os mais baratos. Confira:


Região
Valor médio do m² (R$)Valor médio do aluguel (R$)
Centro9.4253.290
Oeste11.1124.081
Centro-Sul10.4503.644
Sudeste7.2612.116
Nordeste6.7871.784
Noroeste5.7011.723
Leste5.0681.648
Sul6.2572.262

Rentabilidade


O índice de rentabilidade imobiliária relaciona o preço de venda e valor de locação do imóvel para verificar o tempo necessário para recuperar o dinheiro utilizado na aquisição do imóvel. No relatório de março, o índice foi de 5,93% bruto anual. Dessa forma, são necessários 16,9 anos de aluguel para obter o valor investido no imóvel, 0,1% a menos que há um ano.
Confira a rentabilidade por região em São Paulo:

RegiãoRentabilidade
Nordeste4,85%
Sudeste5,36%
Noroeste5,54%
Centro-Sul5,90%
Leste6,00%
Oeste6,06%
Centro6,32%
Sul6,46%

Comments are closed