Preço médio do aluguel no Rio de Janeiro é de R$ 1.774 mensais

Preço médio do aluguel no Rio de Janeiro é de R$ 1.774 mensais

O Imovelweb, um dos maiores portais imobiliários do País, divulgou o seu mais recente relatório – referente ao mês de novembro – sobre os preços dos imóveis na cidade do Rio de Janeiro. De acordo com o portal, o preço médio para alugar um imóvel padrão (65m², 2 dormitórios e 1 vaga de garagem) na cidade era de R$ 1.774/mês. O valor corresponde a 0,4% a menos que o registrado em outubro, mas nos últimos 12 meses houve um aumento de 2,5% no valor médio.

O bairro do Leblon ainda é o com maior valorização na capital fluminense, com aluguel em torno de R$ 3.903/mês. Por outro lado, para alugar uma casa em Senador Vasconcelos é preciso R$ 821/mês. Confira os locais mais baratos e mais caros para locação de imóvel no Rio de Janeiro:  


Mais baratos (mensal)
Variação mensalVariação Anual
Senador Vasconcelos (Zona Oeste)R$ 8212,2%-11,5%
Guaratiba (Zona Oeste)R$ 947-0,4%-5,7%
Bangu (Grande Bangu)R$ 963-0,7%0,6%
Mais caros (mensal)Variação mensalVariação Anual
Botafogo (Zona Sul)R$ 2.661-1,1%5,7%
Ipanema (Zona Sul)R$ 3.6340,3%5,5%
Leblon (Zona Sul)R$ 3.903-0,9%5,8%

Entre novembro de 2019 e novembro de 2020, os bairros que mais se valorizaram foram Del Castilho (R$ 1.394/mês), com aumento de 19,5%; Vargem Grande (R$ 1.473/mês), +17,5%; e Catete (R$ 2.406/mês), +15,6%. Os que mais se desvalorizaram foram Olaria (R$ 1.056/mês), -17,6%; Lapa (R$ 2.108/mês), -16,9%; e Senador Vasconcelos (R$ 821/mês), -11,5%.

Valor do metro quadrado sobe pelo quinto mês consecutivo

O relatório de novembro do Imovelweb também mostra que houve um crescimento de 0,4% no preço do metro quadrado dos imóveis no Rio de Janeiro se comparado ao mês anterior. Assim, o valor médio do metro quadrado é R$ 7.766,00 e para comprar um imóvel padrão na cidade é preciso R$ 505.050,00.

Em um ano, o preço dos imóveis registrou uma valorização de 1,2% no Rio de Janeiro, sendo que os maiores aumentos ocorreram nos bairros Bangu (R$ 3.543/ m²), com crescimento de 17,5%; Vidigal (R$ 12.952/m²), +15,9%; e Itanhangá (R$ 8.462/mês), +14,9%. No mesmo intervalo de tempo, as maiores quedas nos preços dos imóveis ocorreram em Tariaçu (R$ 2.339/ m²), com diminuição de 11,8%; Guaratiba (R$ 3.919/ m²), -10,7%; e Pilares (R$ 4.274/ m²), – 10,6%. 
Confira os valores dos metros quadrados mais baratos e mais caros no Rio de Janeiro:


Mais baratos (m²)
Variação mensalVariação Anual
Pavuna (Zona Norte)R$ 1.9481,8%-0,8%
Pedra de Guaratiba (Zona Oeste)R$ 2.283-3%S/D
Coelho Neto (Zona Norte)R$ 2.2890,2%-3,8%
Mais caros (m²)Variação mensalVariação Anual
Lagoa (Zona Sul)R$ 16.0680,4%3%
Ipanema (Zona Sul)R$ 19.373-0,7%3%
Leblon (Zona Sul)R$ 21.5320,1%1,9%

Rentabilidade

O índice de rentabilidade imobiliária do Imovelweb relaciona o preço de venda e valor de locação do imóvel para verificar o tempo necessário para recuperar o dinheiro utilizado na aquisição do imóvel. No relatório de novembro, o índice foi de 4,4% bruto anual, o que significa que são necessários 22,5 anos para recuperar o valor investido na compra de um imóvel, tempo 4,8% menor que há um ano.

O índice mostra que os melhores bairros do Rio de Janeiro para investidores que buscam renda são Cosmos (6,7%), Senador Vasconcelos (6,4%) e Ramos (6,4%). Por outro lado, os menos rentáveis são Lagoa (3%), Gávea (3,1%) e Jardim Botânico (3,2%).

Comments are closed